segunda-feira, 9 de abril de 2018

Natas do Céu

Confesso que nunca fui muito de pedir este doce no restaurante...provava às vezes daqui e dali, umas vezes adorava, outras...deixava bastante a desejar.

Fiz este Natas do Céu pela primeira vez para agradar a um pedido do meu irmão, que adora e é daqueles que sempre que há, pede! E não é que ficou uma maravilha? Esta foi a segunda vez que fiz, e tento não fazer muitas vezes porque fica mesmo bom...e é tão simples de fazer!

Experimentem, e não se deixem enganar pela simplicidade dos ingredientes!

Ingredientes:

6 - Ovos
80 g - Açúcar
200 ml - Natas frescas para bater
40 g - Açúcar
200 g  - Bolacha Maria
120 ml - Água
130 g - Açúcar
1 - Casca de limão
1 - Pau de canela
2 - Colheres de sopa de leite

Preparação:

1 - Separar as gemas das claras.
2 - Num tacho colocar os 120 ml de água, os 130 g de açúcar, a casca de limão e o pau de canela, e levar ao lume até ferver.
3 - Deixar ferver por cerca de 5 minutos, desligar o lume e retirar a casca e o pau de canela. Reservar e deixar arrefecer um pouco.
4 - Numa taça, bater levemente as gemas e adicionar-lhes a calda em fio, mexendo sempre para que as gemas não cozam imediatamente.
5 - Transferir novamente para um tacho e levar a lume brando mexendo sempre até engrossar.
6 - Assim que ficar em creme, desligar o lume e continuar a mexer mais um pouco e depois deixar a arrefecer.
7 - Bater as natas e ir adicionando os 40 g de açúcar até ficar em chantilly.
8 - Bater as claras em castelo, e ir adicionando os 80 g de açúcar até ficar um merengue bem firme.
9 - Envolver o chantilly no merengue até obter um creme homogéneo.
10 - Triturar as bolachas.
11 - Numa taça grande ou em taças pequenas, colocar camadas alternadas de bolacha triturada e creme branco, sendo a última camada creme branco.
12 - Colocar o leite no doce de ovos, e triturar tudo com a varinha mágica para que o creme fique completamente liso e um pouco mais fluido.
13 - Verter o doce de ovos, já frio, por cima da última camada de creme branco e decorar a gosto.
14 - Levar ao frigorífico por pelo menos 6 horas antes de servir.

Nota: O passo 12 eu fiz questão de colocar, uma vez que o creme de ovos depois de frio fica um pouco espesso e difícil de espalhar, e fazendo este simples processo fica lindo, brilhante e fácil de espalhar, não comprometendo em nada o sabor do mesmo. 



Espero que gostem!

Obrigada pela visita!

domingo, 4 de março de 2018

Bolo Salgado de Chourição

Adoro bôlas... mas sou um bocadinho azelha a fazê-las. 

Às vezes saem perfeitas, mas a maioria corre mal...muito mal: ou porque a massa não cresce, ou porque amasso pouco, ou porque ao amassar ponho muita farinha e fica duro e seco que nem uma pedra, ou porque o fermento que ponho tem um sabor muito intenso que tudo me sabe a fermento...enfim... daí que opte muitas vezes por fazer bolos salgados, e tenho o meu problema resolvido.

Este foi mais um que tirando um pouco daqui e dali, resolvi fazer, num daqueles dias que só apetece fazer bolos...

Ficou muito bom e desapareceu logo...

Ingredientes:

2 - Ovos
200 g - Farinha sem fermento
100 g - Chourição
100 g  - Queijo Mozzarela ralado
1/2 - Cebola
2 - Colheres de sopa de azeite
150 ml - Leite
2 - Colheres de chá de fermento em pó
1 - Colher de chá de orégãos
Sal q.b.
Pimenta preta q.b.

Preparação:

1 - Pré-aquecer o forno a 180ºC
2 - Com uma vara de arames bater os ovos com o leite.
3 - Juntar o azeite e bater bem.
4 - Juntar a farinha a pouco e pouco batendo sempre e por fim o fermento em pó.
5 - Picar a cebola finamente e adicionar à mistura.
6 - Cortar o chourição em pequenos cubos e juntar.
7 - Adicionar o queijo ralado, os orégãos e uma pitada de sal e de pimenta preta mexendo tudo muito bem.
8 - Untar uma forma de bolo inglês e polvilhar com pão ralado.
9 - Transferir a massa para a forma e levar ao forno por cerca de 30 minutos.
10 - Fazer o teste do palito e quando sair seco está pronto.
11 - Desenformar e aproveitar!




Nota: Atenção ao sal que colocam...o queijo e o chourição já são bastante salgados. Ou se coloca apenas uma pitada ou não se coloca mesmo nenhum sal, senão corre-se o risco de ficar muito salgado.

Espero que gostem...

Obrigada pela visita!




quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Red Velvet

Dia de S.Valentim...

O bolo perfeito para este dia não poderia deixar de ser... Red Velvet!

Mais uma vez, à semelhança da última publicação, fui ao livro "Há alguém mais gulosa do que eu?" buscar inspiração...e a receita! Para terem uma ideia, aqui está ela em versão Cupcakes Red Velvet

Nunca tinha feito este bolo, nem experimentado a cobertura de queijo creme. Quanto ao bolo, acho que me estiquei no cacau...ficando o vermelho um pouco para segundo plano! A cobertura, essa surpreendeu, combina na perfeição com a doçura deste bolo! Experimentem, não se irão arrepender.

Espero que gostem do resultado!




Obrigada pela visita!

domingo, 4 de fevereiro de 2018

Bolo Mármore

Comprei o livro da blogger Mafalda Agante neste início de ano e assim que o desfolhei, deparei-me com um problema: por onde começar? 

Fiquei apaixonada por cada página, por cada foto, por cada bolo. Simples e elaborados, mas todos lindos e apetecíveis! Nunca me tinha deparado com vontade de fazer um livro de receitas de ponta a ponta!

Comecei a minha saga no mês de Janeiro, mas não fui bem sucedida...o bolo que fiz não saiu com aspecto merecedor de ser partilhado. Mas não desisti, e vou tentar fazer pelo menos um por mês e partilhar aqui o resultado! 

A receita não vou colocar aqui, não acho correcto sendo de um livro de uma blogger, estar a partilhar aqui. Algumas das receitas do livro estão no blog "Há alguém mais gulosa do que eu?", e quando esse for o caso, reencaminharei para lá. 

Adoro o livro! Acho mesmo o máximo, e embora siga a Mafalda e outras bloggers culinárias, um livro é sempre um livro e aconselho toda a gente a comprar...especialmente este de que vos falo! 

Já não é a primeira vez que tento fazer bolo mármore, mas a coisa corre-me sempre mal...a massa que leva o chocolate fica sempre muito mais seca que a outra, acabando por ter tempos de cozedura muito distintos e fazendo com que o resultado seja desastroso. Desta vez não foi assim, e o resultado foi este! Ficou lindo não ficou ??

Ficaram a pensar no livro? Isto é só o início de uma bela temporada...



Obrigada pela visita!


quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Monstruobolo - Bolo de abóbora com chocolate e nozes

Dia um...Na cozinha...!

Consegui voltar a participar! Yupiii!!!

Não foi fácil...Fiz uma receita, deu para o torto...Fiz uma segunda, pareceu-me demasiado básica...Fiz a terceira, esta, estava já a forma no forno quando olhei para a lata do fermento em cima da bancada pela primeira vez...estão a ver o filme? Toca a tirar bolo, pôr fermento, misturar e forno de novo! 

Pensei que fosse ficar...mau...ficou óptimo! Meio torcido, mas até me deu jeito para o efeito que eu queria fazer!

Bolo Halloween...Abóbora, claro! Mas demasiado obvio...e porque não juntar chocolate? E nozes? Ficou top: uma textura poderosa, não muito pesado, mas com conteúdo!

Ingredientes:

4 - Ovos
1 - Chávena de açúcar
2 - Chávenas de abóbora cozida (escorrida e triturada)
1 - Chávena de óleo
2 - Chávenas de farinha
1 - Chávena de Maizena
2 - Colheres de sopa de chocolate em pó
1 - Colher de chá de bicarbonato de sódio
1 - Chávena de nozes moídas
1 - Colher de chá de fermento
1  dl - Leite
100 g - Chocolate em barra
1 pitada de sal
Bolo de cacau esfarelado, doce de morango e gomas para decorar
Preparação:

1 - Colocar a abóbora a cozer em água com uma pitada de sal.
2 - Escorrer, triturar e reservar para que arrefeça um pouco.
3 - Separar as gemas das claras e batê-las em castelo.
4 - Bater as gemas com o açúcar até obter um creme esbranquiçado.
5 - Juntar a abóbora triturada e mexer.
6 - Um a um juntar os restantes ingredientes mexendo sempre com a colher de pau: o óleo, a farinha, a Maizena, o chocolate, o bicarbonato, as nozes e o fermento.
7 - Untar e polvilhar com farinha uma forma de bolo inglês e verter a massa.
8 - Levar ao forno pré aquecido a 180ºC por cerca de 60 minutos.
9 - Partir o chocolate em pedaços, colocar numa taça com o leite, e levar ao microondas por 30 segundos.
10 - Mexer bem até o chocolate derreter completamente e colocar este preparado por cima do bolo previamente desenformado.
11 - Decorar a gosto com gomas, doce de morango (para fazer o sangue dos dentes) e bolo esfarelado.




Espero que gostem da combinação de sabores! 

Saudações monstruosamente deliciosas!

Obrigada pela visita!



domingo, 29 de outubro de 2017

Pavê de sobras de bolo

Devo andar em maré de pouca sorte culinária...tenho feito várias tentativas de receitas que têm caído por terra.

Hoje acordei cedo, mudou a hora ;-) , e fui directa para a cozinha. queria fazer uns muffins de cacau como nunca consegui fazer: escurinhos, fofos e com aquela cabeça tipo cogumelo.
Pesquisei receitas novas, uma que fosse diferente. Habitualmente ficam bons, fofinhos e tudo, mas sem carapaça...e eu queria que fosse tipo aquele do McCafé... achei A receita...fiz, no forno tudo bem, tirei tudo bem....Arrefeceram e ficaram tipo fragmento rochoso do cabo da Carvoeiro!

Fiquei tristíssima! A minha filhota queria os muffins, e só me apetecia pô-los no lixo!

Provei-os, estavam bons de sabor, mas durinhos para o que eu queria...

Até que me lembrei que há umas coisas bem porreiras que se podem fazer com restos de bolo e/ou bolos que não saíram como deviam e fiz...e fiz muito bem ao que parece!

A receita baseou-se aqui, dei uma voltinha pelo blog e fiquei fã...

Ingredientes:

2 - Chávenas de bolo esfarelado

1/2 - Lata de leite condensado
2 - Chávenas de leite
1 - Colher de sopa de Maizena (bem cheia)
1 - Colher de café de aroma de baunilha
Raspas de chocolate e noz para decorar

Preparação:

1 - Misturar a farinha Maizena com uma das chávenas de leite frio.

2 - Num tacho colocar o leite condensado, o restante leite e o aroma de baunilha.
3 - Adicionar a Maizena já previamente dissolvida e ligar o fogão em lume brando. 
4 - Mexer sempre até engrossar o creme e reservar.
5 - Colocar o bolo esfarelado em tacinhas até cerca de 1 cm de altura e colocar o creme ainda quente por cima.
6 - Decorar com raspas de chocolate e noz.
7 - Levar ao frigorífico de um dia para o outro para que fique bem fresco.

Fácil, rápido e não se estraga nada! O resto dos muffins vai para o congelador...para uma próxima invenção!


Obrigada pela visita!


terça-feira, 12 de setembro de 2017

Rodelas de pescada no forno em cama de espinafres

Pescada...o grande terror cá do sítio! ;-)

Gosto muito por ser muito prática mas, quem me acompanha sabe que é o terror cá de casa. 

Deve ser trauma...tenho sempre de inventar e reinventar formas diferentes de a cozinhar, para que pareça tudo menos a bela da pescada cozida da nossa infância que tanto nos traumatizou.

Desta vez decidi comprar uma rodelinhas muito perfeitinhas que sempre vi na secção dos congelados, e após algumas pesquisas, visitas ao frigorífico e uma lufada de imaginação saiu este belo prato, que verdade seja dita, a malta cá de casa até apreciou.

Ingredientes:

6 - Rodelas de pescada congeladas
4 - Ovos
1 - Molho de espinafres
Queijo ralado q.b.
Maionese q.b.
Pimenta preta q.b.
Limão q.b.
Pimenta q.b.
Azeite q.b.
Sal q.b.

Preparação:

1 - Descongelar as rodelas de pescada e temperar com sal, sumo de limão e pimenta preta.
2 - Cozer os ovos e reservar.
3 - Escaldar os espinafres e dispor no fundo de um tabuleiro de forno previamente untado com azeite.
4 - Colocar a pescada por cima dos espinafres, previamente untada com maionese de ambos os lados.
5 - Polvilhar com um pouco de queijo ralado.
6 - Cortar os ovos em rodelas e dispor por cima da pescada.
7 -  Por fim colocar mais um pouco de queijo ralado por cima dos ovos e levar ao forno a 200 ºC por 20 minutos.
8 - Servir com batata cozida ou outro acompanhamento a gosto.



Obrigada pela visita!